Prosa, poesia, conexões quânticas, dicas de redação e de leitura, comentários, reflexões… Palavras em infinito movimento!

Aquarela III

guarujaguardasolverm

 

O marido fuma

sentado na cadeira

ali ela deixa

frente à vastidão

dissipadora

do mar

ela faz cera

antes de sentar

e pegar a revista

de sérias notícias

alonga-se como se

antes talvez depois

o exercício fosse

ou tivesse sido

exaustivo

mas há uma

cadeira embaixo

do guarda-sol

protetor e

um espelho

em algum lugar

ela abre a caixinha

nem tanto pra se ver

mais essencial

é passar um pouquinho

de pó de arroz!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: