Prosa, poesia, conexões quânticas, dicas de redação e de leitura, comentários, reflexões… Palavras em infinito movimento!

Posts marcados ‘Estrutura do texto dissertativo-argumentativo’

Dissertar e argumentar na redação do Enem

Para a redação do ENEM, a banca pede que você produza um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo. Não se sinta intimidado pelo “texto em prosa”. Texto assim nada mais é do que o texto corrido – como o deste post –, “sem metrificação intencional e não sujeito a ritmos regulares”, como explica o Houaiss, que é o texto típico da poesia.

Quanto à tipologia textual, o exigido é o padrão dissertativo-argumentativo, referindo-se ao texto que usa a dissertação para discorrer sobre um assunto, definir um ponto de vista e defendê-lo por meio de argumentos.

O texto dissertativo-argumentativo organiza-se em três segmentos que estão ligados entre si de forma lógica e encadeada. São eles: introdução; desenvolvimento e conclusão.

No primeiro segmento, a introdução, você pode usar um parágrafo para apresentar o tema – sobre o que estou falando?; delimitar o contexto em que esse tema se aplica – estou falando sobre esse tema em um determinado conjunto de circunstâncias (lugar, época, momento histórico, cultural, social etc.), e expor seu ponto de vista a respeito do tema – como avalio essa questão?

No segundo segmento, o desenvolvimento, você pode usar de dois a três parágrafos para apresentar seus argumentos, buscando fatos, informações, dados, histórias, exemplos, reflexões, explicações, análises, comparações, alusões históricas, citações, entre outros recursos, para demonstrar o acerto de sua maneira de pensar a respeito do tema.

No terceiro segmento, a conclusão, você pode usar um parágrafo para finalizar seu raciocínio, apresentando a dedução lógica da reflexão feita, ou seja, dando um arremate às ideias apresentadas.

Mas não se esqueça, como se trata de ENEM, você também deve incluir na conclusão, de forma encadeada com o arremate feito anteriormente, uma proposta de intervenção para o problema abordado.

Fica à sua escolha fazer ou não um título para a redação, pois se trata de um elemento opcional, de acordo com o ENEM. Contudo, a sugestão é que você defina um, ainda antes de escrever a redação.

Isso porque um título adequado deve resumir ou dar uma ideia de seu ponto de vista a respeito do tema abordado na redação e, assim, serve para direcionar o desenvolvimento de seu texto. Funciona como uma bússola, ajudando-o a não se perder em voltas desnecessárias e a ganhar em objetividade e coerência.

Para se sair bem na redação do ENEM, portanto, ajuda não sair do traçado do texto dissertativo-argumentativo.

E, para entender melhor como trabalhar a estrutura do texto dissertativo-argumentativo, não deixe de ver: Redação em quatro etapas

Palavras 3

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: