Prosa, poesia, conexões quânticas, dicas de redação e de leitura, comentários, reflexões… Palavras em infinito movimento!

Antes de passar seu texto a limpo, é importante revisar o rascunho. Isso significa dar uma avaliada crítica no texto para identificar eventuais erros de grafia, acentuação, concordância, pontuação etc.; imprecisões do vocabulário; repetições de palavras ou de expressões etc.

Vale também verificar a lógica, a consistência e a coerência do texto, observando se sua discussão sobre o tema ficou clara, objetiva e compreensível.

Se você quer a melhor nota para a sua redação, não deixe de fazer o checklist da revisão:

Conteúdo

  • Lógica – meu texto apresenta um começo, um meio e um fim facilmente identificáveis e compreensíveis?
  • Coerência – meu texto apresenta o tema usando uma sequência harmoniosa de frases, períodos e parágrafos, que se integram no desenvolvimento de um raciocínio com sentido completo?
  • Consistência – meu texto traz um ponto de vista bem definido sobre o tema? / os argumentos que usei dão sustentação lógica a esse ponto de vista? / a proposta de intervenção que fiz apresenta a ação; o agente social capaz de executá-la; o meio pelo qual a ação pode ser executada, e os resultados pretendidos com a ação sugerida?
  • Precisão – meu texto usa palavras adequadas às ideias desenvolvidas?

Forma

  • Correção gramatical – as palavras que usei estão grafadas corretamente? / as frases estão adequadamente construídas? / há algum problema de concordância nominal ou verbal? / há palavras repetidas?
  • Pontuação – há algum descompasso entre pausas para respiração, ênfase, entonação e os sinais de pontuação utilizados?
  • Objetividade – consegui ir do ponto de partida (introdução) ao ponto de chegada (conclusão) do meu texto sem dispersões, rodeios ou detalhes irrelevantes?
  • Clareza – utilizei frases de construção simples e direta, com começo, meio e fim, ou seja, com informações completas?

 

Leia também:

Palavras 6

Como sua prova será avaliada

Os critérios de avaliação do ENEM baseiam-se em cinco competências, cada uma valendo uma nota que varia de zero a duzentos pontos. A soma desses pontos compõe a nota total, que pode chegar a 1000 pontos.

Para se sair bem na redação do ENEM, é fundamental entender, e atender adequadamente, o que é pedido em cada uma das seguintes competências:

Competência 1 – Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.

Competência 2 – Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento, para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Competência 3 – Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Competência 4 – Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Competência 5 – Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Com base nesses critérios, cada redação será avaliada de forma independente por, pelo menos, dois professores. A nota final corresponderá à média aritmética das notas totais atribuídas pelos dois avaliadores.

Caso haja alguma discrepância entre as notas – uma diferença de mais de 200 pontos na nota total ou uma diferença de mais de 80 pontos em qualquer uma das competências –, a redação será avaliada por um terceiro professor. A nota final resultará, então, da média aritmética das duas notas totais que mais se aproximarem.

Se, mesmo depois da terceira avaliação, a discrepância continuar, a redação será avaliada por uma banca com três professores, que se responsabilizará por definir a nota final.

Para não zerar na redação

Fique atento para as razões que levam uma redação a receber nota zero na prova do ENEM:

  • Fugir totalmente do tema proposto;
  • Não desenvolver o texto de acordo com a estrutura dissertativo-argumentativa;
  • Fazer um texto de até sete linhas;
  • Fazer cópia integral de um ou mais textos motivadores da Proposta de Redação e/ou de um ou mais textos apresentados no Caderno de Questões;
  • Escrever impropérios (insultos, ofensas), fazer desenhos e levar a efeito outras formas propositais de anulação, como inserir números ou sinais gráficos fora do texto;
  • Inserir parte deliberadamente desconectada do tema proposto e da argumentação apresentada, ou seja, incluir elementos estranhos, como bilhetes destinados à banca avaliadora, mensagens de protesto, orações, trechos de música etc., que não tenham conexão com o tema nem com as ideias desenvolvidas na redação;
  • Pôr assinatura, nome, apelido ou rubrica fora do local devidamente designado para a assinatura do participante;
  • Desenvolver o texto predominantemente em língua estrangeira;
  • Apresentar a folha própria para a redação em branco, mesmo que haja texto na folha de rascunho.

Outras observações importantes:

O texto definitivo da redação deve ser escrito a tinta, na folha própria, em até 30 linhas.

Para efeito de avaliação e de contagem do mínimo de linhas escritas, os trechos que forem cópia de textos motivadores da Proposta de Redação ou de textos apresentados no Caderno de Questões serão desconsiderados em relação ao total de linhas escritas, valendo somente as que foram produzidas pelo participante.

Redação com letra ilegível poderá não ser avaliada. Por isso, capriche na letra para evitar dúvidas no momento da avaliação.

O título é um elemento opcional na produção da redação do ENEM. Se você fizer um título, será considerado como linha escrita; porém, não será analisado em nenhum aspecto relacionado às competências, nas quais os critérios de avaliação do exame se baseiam.

Outras dicas interessantes:

O que será que texto e bombom têm em comum?

A lógica do texto

Lógica 1

Fontes de pesquisa para os posts desta série:

A Redação no ENEM 2012 – Guia do Participante

Redação no ENEM 2018 – Cartilha do Participante

“Cultivam-se ilegalidades,

Colhem-se autoritarismos.”

Ana Setti Rosa

Área escorregadia 5

Sobrevida

 

Citação LF Verissimo - Livros - em rosa

Só com humor…

 

Citação de Ricardo Araújo Pereira - Nazismo OK

Estava pensando

no dia de amanhã

como se já fosse hoje,

aí percebi que não é

o dia vigente,

ou qualquer outro dia,

que chega,

mas a mente

que escorrega

para a frente.

Dias da semana OK

Sem noção

 

O Sem Noção OK

 

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: