Prosa, poesia, conexões quânticas, dicas de redação e de leitura, comentários, reflexões… Palavras em infinito movimento!

Maringá, 28 de março de 2020

Por: Amanda Serra Prata

Sem surtar na quarentena

Venho escrever sobre confinamento pelo ângulo do desespero, pois acredito que, assim como eu, muitas pessoas também se desesperam nesta quarentena. É um desespero mental quando pensamos em como as coisas serão daqui para a frente ou em como seguir com essa vida de confinamento sem surtar, continuando com a faculdade EAD, terapia on-line, cuidando da alimentação e fazendo exercício físico.

Pensamos com desespero que temos de manter tudo como era antes desse período de reclusão, sem perceber que não precisa ser assim. Estamos vivendo um momento atípico, em que o mundo todo está funcionando de forma diferente. Então, porque é que você tem de agir no automático, como se nada tivesse mudado? A questão é: não tem de agir no automático. Está tudo bem não conseguir fazer exercício físico todo dia ou não fazer vários cursos on-line, ou não cuidar perfeitamente da alimentação.

Neste momento, é importante tentar cuidar de você, da sua saúde mental, fazendo também coisas das quais você goste, que lhe deem prazer. Temos prazos, contas a pagar e, alguns, até filhos para cuidar, mas é valioso se lembrar de que está tudo bem não ser cem por cento produtivo nesse período. Está tudo bem olhar para si e cuidar do que quer que esteja aí dentro. Vamos nos lembrar disso.

E a roda de crônicas continua…Setas 3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: