Prosa, poesia, conexões quânticas, dicas de redação e de leitura, comentários, reflexões… Palavras em infinito movimento!

Arquivo para fevereiro, 2016

Diário

 

Guarujaquarela1

Molhada,

descabelada,

zonza,

saí assim

da minha

primeira onda.

Na arrebentação,

apavorada,

fui coberta,

arrastada,

envolvida

por sua trama

grossa

e espumosa.

Depois do medo,

o gozo,

sobrevivi

mesmo encharcada.

Feito zumbi,

aos olhos

de quem olhava,

me descobri

rindo sozinha,

bêbada

de água salgada.

 

Anúncios

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: